quarta-feira, 11 de setembro de 2013

MÚSICA: O Pianista Ilusionista

O título, desta "opus 2", é baseado na ilusão causada pelo fato de eu estar sentado ao piano dedilhando as teclas com aparência de saber exatamente o que estou fazendo, aqui no klavier festival, in Barra. Mas, não, não sei tocar este instrumento, nem mesmo sei o nome das notas, como afirmei no vídeo longa-metragem 017 "Brincadeiras Infantis ao Piano". E, já que iria me sentar ao piano, pela quinta (5ª) vez nesta minha vida de JO-VA-NE, aproveitei para levar a câmera e filmar esta palhaçada bela música, que fiz com todao paranoia carinho do mundo. Tratando-se, portanto, de mero IMPROVISO.


"Sou tão bom ator que finjo ser cantor e compositor e vocês acreditam". Levando em consideração esta frase de Raul Seixas, cuidado para não acreditarem que sou pianista. Este o recado do Giov.. Por falar em ilusão, compartilho a foto que cliquei da avenida, sendo que a atuação no foto editor foi somente para assinar, girar e cortar irregularmente as pequenas beiradas.

Rio de Janeiro Photográfico 057 Visão da Presidente Vargas.

FRASE 312 - O PIANISTA ILUSIONISTA: Levemente adoentado, tirei alguns minutos do dia 10.09.2013, para gravar esta "opus 2", vídeo 18. Além de eu ter pedido ao SAI BABA, um pouco de agitação, quando me sentasse ao piano pela 5ª vez (frase 305), também pedi que o vídeo tivesse cerca de 7 minutos, pois mais tempo ficaria cansativo e menos não daria para eu brincar a contento. Não programei o final, simplesmente não tinha mais para onde minhas mãos irem. Descontado o tempo de início e do fim, acho que Ele realizou ambos os pedidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O monólogo do artista passa a estabelecer diálogo com o público quando sua arte é comentada...